terça-feira, 1 de janeiro de 2013 - 0 comentários

2013

Um ano novo começou, o vento leva as memórias daquilo que ficou, tudo está presente, olhares, vivências, conversas, pessoas... o passado ainda faz parte de mim, o sofrimento não sai e a dor permanece. Um ano passou-se, e deixou muitas marcas. Marcas essas profundas, principalmente no último mês do ano quando a minha vida ganhou um rumo certo, aconteceram coisas fantásticas, momentos que nunca mais esquecerei e que há muito desejava que acontecessem.

Por vezes torna-se necessário esquecer o que não pode ser esquecido, libertar a alma, limpar a mente de coisas velhas e cheias de poeira e recomeçar,  ter uma vida diferente, com pessoas diferentes, com novos começos, novas histórias, com aqueles que sempre nos apoiaram e apoiam do nosso lado, com tudo novo, com o coração aberto ao mundo, com vivência, com alegria, amor, força para superar tudo, todos os obstáculos que nos aparecerem à frente, todos os momentos menos bons, todas as adversidades, que venham mais sorrisos bonitos e claros. Um sorriso é perfeito, e único e demonstra que vivemos uma vida alegre, cheia de boas emoções, recordações, momentos...

Apesar de 2012 ter sido um ano bastante difícil e complicado para mim pois passei e ainda passo por uma fase que não é meramente fácil, superei muitas coisas, ultrapassei barreiras e obstáculos, amadureci bastante em pessoa e em ser, certas circunstâncias da minha vida me obrigaram a o fazer, e não me arrependo de nada do que fiz, eu mudei a minha forma de olhar para a vida, para as coisas, para tudo, aprendi que não se deve esconder nada, não se deve criar uma pessoa dentro de nós, que seja como os outros nos gostariam de ver, temos de ser nós próprios, não ter medo de nada, pois o medo é que impede de muitas coisas se realizarem, no ultimo mês do ano compreendi que não devo-me reprimir ao silêncio, ao vazio e à solidão nunca mais. Sou aquilo que sou, existem pessoas a gostar de mim como sou, não preciso de mudar por ninguém apenas por mim mesmo.

Um grande obrigado a todos aqueles que me apoiaram que foram o meu suporte durante o passado ano, que gostam de mim assim como sou, que me dão valor, carinho, alegria, que me dão um grande sentimento, a AMIZADE podem ser poucas as letras, mas o que este representa para mim é algo puro, e hoje em dia é difícil de encontrarmos esse sentimento dessa forma tão serena e sobretudo verdadeira. Conhecidos existem muitos sim, mas amigos de verdade são bem poucos, mas sabem que mais quantidade nada importa não precisamos de ter muitos amigos, basta os essenciais, poucos e bons amigos fazem toda a diferença.

Obrigado também a todos que deixaram que eu fizesse parte da sua vida, que eu entrasse nela e mudasse alguma coisa, fizesse a diferença.  De uma coisa estou certo, o ano pode não ter sido dos melhores porém muita coisa aconteceu eu aprendi vivamente o que é a vida e quando importante ela é, eu agora sei dar às coisas ao que estas merecem realmente, isso aconteceu-me uma vez quando uma pessoa deixou de fazer parte da minha vida, só aí eu percebi o que aquela pessoa significava para mim. Tive pessoas neste ano que passou, que me abriram os horizontes, mostraram-me o que eu não queria ver, disseram-me o que eu não queria ouvir, foram sinceros, abriram-me os olhos para a real vida, o mundo real, não o meu próprio mundo. Conhecer pessoas fantásticas, excelentes sem dúvida fez-me muito bem, o teatro foi das melhores coisas que podia ter feito num ano tão negro, ajudou-me e ajuda-me imenso, tornou-se à medida que o tempo foi passando uma verdadeira paixão.
Superei barreiras, obstáculos, quebrei medos, construí novas amizades, novos caminhos, alarguei fronteiras ...

Daqui para a frente, tudo será bem diferente, caminharei de cabeça erguida, e de braços abertos, feliz por ser a grande pessoa que sou e como sou, forte, valente, corajoso, lutador. Muitas vezes nunca cheguei a perceber o porquê de me acontecerem certas coisas, mas agora entendi a razão disso acontecer. Nós nunca obtemos uma resposta do porquê de isto ou aquilo, simplesmente ficamos a saber que essas coisas acontecem para crescermos em pessoa e em ser, para ficarmos mais fortes, para sermos verdadeiros exemplos de vida de que se pode prosperar contra todas as hipóteses, de que tudo é possível.
Falo abertamente com o meu silêncio interior fazendo das minhas próprias perguntas respostas e das minhas respostas consolo. Sonho por momentos, vadiando por lugares, por coisas jamais esquecidas, por momentos bem passados, por pessoas que sempre estiveram e sei que estarão sempre aqui ao meu lado para o que eu precisar. Novas histórias, novos tempos, novos começos e fins, novas aventuras, novas paixões, novas descobertas, novas amizades, .... este ano  seja mil vezes melhor que passou, cheio de paz, de felicidade, de amor, de carinho, de respeito, de afecto, de amizade verdadeira, que as velhas amizades nunca se percam apenas se fortaleceram ano após ano.

Ao longo que vamos vivendo a vida, passamos por diversas etapas, e existem momentos em que torna-se necessário fazermos uma reviravolta na nossa vida, na nossa pessoa, passando a aceitar-nos tal e qual como somos, sabermos conviver com as descobertas, com o passado, com o presente, com tudo o que nos rodeia.
Neste ano 2013, serei eu mesmo, sem qualquer medo ou impedimento, agora sou um novo rapaz, uma nossa pessoa cheia de força, coragem e alegria. Farei de tudo para conseguir alcançar as minhas metas, os meus objectivos, vou lutar pelos meus sonhos, pela felicidade, afinal felicidade faz parte da vida. Tudo é possível, todos nós conseguimos tudo aquilo que queremos, nada é impossível, quando tudo é feito com gosto, com amor, com carinho, com afecto, com dedicação, com paixão … acaba por ser alcançado. É importante o respeito pelas outras pessoas, pelas suas escolhas e decisões, cada um é tal e qual o que é, ninguém tem o direito de julgar outro só por ser diferente, por ter uma determinada forma de ser, por ….

Na vida existem sempre razões para tudo o que surge, o que acontece, o mais importante é nos sabermos o que somos, nos respeitarmos tal e qual somos, darmos valor a nós próprios, nos mimarmos, gostarmos de nós mesmos, tudo isso em primeiro lugar, só depois podemos gostar dos outros à nossa volta, se não formos nós a gostar de nós mesmos, ninguém gostará. Só depois é que podemos amar, expressar-nos livremente, sem rodeios, sem medos, sem obstáculos pela frente, a medida que vida passa nós aprendemos dignamente a viver. A convivência é uma das coisas muito importantes que se vai perdendo, o contacto real com as pessoas, poder sentir, falar ao vivo, ver…

Por vezes temos de parar e centrar-nos em viver o presente, em aproveitar o momento ao máximo, pois hoje estamos aqui, amanhã podemos já não estar, hoje estamos bem, amanhã não sabemos. Falar é importante, e falar não é simplesmente estar a teclar num chat, falar é estar com uma pessoa, é poder sentir, conhecer, viver bons momentos, faz parte da convivência humana e cada mais isso se vai perdendo, as pessoas vão se fechando para dentro, é isso é errado. É importante estarmos atentos aos que nos rodeiam a quem está ao nosso lado, percebermos quando uma pessoa precisa de nós, de uma mão amiga, devemos conviver, sair nos divertirmos, tudo com limite. Chega de estarmos na nossa zona de conforto, no nosso cantinho, e não fazer nada pelos outros, os nossos amigos sobretudo, pois hoje são eles e amanhã podemos ser nós! Pequenos gestos fazem toda a diferença, um sorriso pode mudar imensa coisa, a vida é só uma e é muito para ser insignificante!

Passo a passo, percorre-se um novo caminho, uma nova etapa de vida muito importante para mim :D
As páginas da nossa vida estão escritas num livro, que tentamos esconder, sabemos que está ali, guardado tentamos esquecer o sítio mas ele existe e está ali…porque um livro nunca se rasga.
Um livro nunca se rasga, mas envelhece. Penso que saltamos as partes que não queremos reler, elas estão lá, ali vão permanecer, pois são parte integrante da história.
Há diferentes formas de ser, há diferentes formas de amar!
Estava num daqueles dias em que necessitava do sabor a mudança. Há que saber a definição de aproveitar, saborear e, sobretudo, viver. Luta por uma vida. Luta por seres feliz. Não se muda do dia para a noite, mas muda-se de dia para dia. ^^

Um bom ano para TODOS, um muito obrigado aqueles que contribuíram para que houvesse mudança na minha vida!