domingo, 30 de setembro de 2012 - 0 comentários

Domingo Perfeito...

O dia está a ser perfeito pois estou a fazer aquilo que mais adoro, escrever, cada vez mais vejo que tenho dom, alma, jeito, uma imensa capacidade para a escrita, coisa descoberta à bem pouquíssimo tempo, há cerca de 4 meses, e é com prazer e dedicação que escrevo, posso ir até onde quero, sentir o que quero, imaginar um mundo belo, sem gente ruim pelo meio.

Hoje passei o dia em casa, de pijama, com chuva é que mais me apetece fazer.  Durante a tarde, estive a escrever tudo o que me tem acontecido de bom até agora, para depois levar quando for à próxima consulta com o psicólogo, ainda não tinha escrito quase nada, já conto com 8 paginas A4 cheias, o que é realmente muito bom!

Agora estou a escrever, a pensar, a sonhar, com a minha vida, tão bela .... a importância de viver é tão grande, a de ter pessoas ao nosso lado também, nossas amigas, dispostas a nos fazer o lado bom da vida e não só o lado mau,  ser elogiado, faz-me sentir valorizado, com mais garra, para fazer melhor seja o que for, por exemplo escrever, cada vez que me elogiam mais tento melhorar cada vez mais, aos poucos e poucos estou a conseguir, e já se nota, um grande progresso desde à 15 dias de existência deste blog, é verdade já se passaram 15 dias, o tempo é incrível, passa tão depressa que nós nem nos damos conta!
A minha grande amiga L. hoje disse-me que a minha escrita, está muito melhor e evolui imenso, desde a 15 dias para cá, no entanto, para escrever o livro tenho de melhorar mais e mais o meu vocabulário, a minha forma de escrever, passando a um texto mais formal, como ela dizia ''Para escrever um livro, tens de ler 1000'', concordo, as acho que se a pessoa que for escrever o livro, não tiver um dom para isso, não o irá conseguir fazer! ;)

Fiquei agora contente, ao saber que o meu amigo P. quer ir amanha cedo para escola e que também eu vá, para estarmos a conversar, ir à net, acabar algum TPC, ....
Fico feliz por ele estar a melhorar, aos poucos e poucos devagarinho, um dia de cada vez, pois nada muda de uma noite para outra, nenhum problema desaparece num abrir e fechar de olhos. Ainda bem que na sexta feira,  ele já voltou ao mundo real, já falou mais comigo, já se abriu, ele sabe que pode contar comigo para o que der e vier, estou aqui para tudo P., acredita que tu não estás só, eu estou aqui, para te ajudar, apoiar, te confortar, dar um ombro amigo, se quiseres desabafar, podes fazê-lo à vontade, eu guardarei o que tu me disseres, não tenho o mínimo interesse em contar a outra pessoa, a coisa que eu mais quero é te ajudar, a ficares melhor!
Tenho imensa pena dele, coitado não merece pelo que está a passar, também está com tanto problema, eu irei fazer o que puder para melhorar isso, não o posso ver assim, ele também já me ajudou imenso quando eu precisei, e está na hora de eu retribuir, e fazer alguma coisa por ele, embora de momento, ainda não saiba realmente, o quê!

Se muita gente já tivesse passado por certas coisas que já me aconteceram na vida, iam dar valor,  por estar aqui vivos neste mundo e por mundo e por ter as pessoas que têm à sua volta, e não dar importância a coisas mínimas, forma de andar, de se vestir, de ser, de falar (...)
Ninguém merece ser julgado pelos erros que já cometeu na vida, os próprios já serviram de lição...
sábado, 29 de setembro de 2012 - 0 comentários

Amizades, Amigos e Dissabores De Uma Vida....

Existiram amizades que eu pensava que eram para sempre, mas .... a vida tratou de eliminar certas pessoas, algumas delas de quem era bastante amigo e simplesmente deixaram de querer saber de mim, de se importar comigo, de falar inclusive.
Agora hoje em dia, questiono-me se aquilo que existia entre mim e eles era amizade dita verdadeira e sincera, na vida haverão sempre pessoas que nos desiludem, que nos magoam, que nos querem deitar a baixo, passar a perna, que nos traem, que nos trocam, (...) mas felizmente, há sempre pessoas que são nossas amigas, e somos NÓS próprios que aos poucos temos de saber quem são os nossos verdadeiros e sinceros amigos, ao longo do tempo, à medida que se vai construindo uma relação de amizade com outra pessoa, que se a vai conhecendo.

Essas pessoas que eu pensava que eram amigos verdadeiros e sinceros, saíram os mais falsos do mundo, hipócritas,  aproveitaram-se de mim, foram meus amigos por interesse para depois me espetarem uma facada nas costas e me magoarem, isto porque eu sou muito sensível e não gosto de ser magoado, como tem feito ao longo destes anos, e fico de rastos quando me fazem uma coisa dessas, isso acabou, não vou deixar que alguém me magoe de novo!

A amizade é uma das coisas, que não se compra, não temos de mudar e ser como as pessoas querem que sejamos, só para elas serem nossas amigas, isso foi um dos grandes erros que eu cometi durante este tempo, e também o facto de dar demasiada confiança as pessoas, logo na primeira impressão, só para mostrar que tinha amigos e ser muito ingénuo e em acreditar em tudo o que dizem, por eu também ser verdadeiro  sincero, uma boa pessoa, que gosta de ajudar os outros, e quem me tem na sua vida, tem um muito bom amigo!
Devido a dar tanta confiança e ser assim as pessoas acabaram por me magoar, à seria e imenso, eu sofri e pelos vistos isso serviu de lição ..... não posso dar tanta confiança nem ser ingénuo demais para as pessoas, tenho de agir devagarinho e estar de pé atrás, quando conhecer uma pessoa, isto porque sei e tenho a plena noção que as pessoas são capazes de fazer tudo, mas tudo ... para destruírem a minha vida e eu próprio, falo disto desta forma sobre isto devido à experiência que tenho que adquiri ao longo destes anos....

 Não compreendo como eu pude ter agido e sido assim, sendo tão levado pelas pessoas, mas uma verdade é certa, agora não vou repetir o mesmo erro jamais alguma vez, porque agora passei a ver as pessoas, quais são aquelas de quem eu realmente necessito e que valem a pena em estarem presentes na minha vida,  pelas mais diversas razões, só vou deixar na minha vida quem merece e o prova!! Amigos há muitos, amizades há muitas, amigos puramente verdadeiros e sinceros, são bem poucos, fala a experiência de um rapaz que já sofreu muito com amizades!

Mas que tipo de amigos foram aqueles, que mais me desiludiram, que me apontaram o dedo, que me deixaram sozinho, que hoje em dia não me olham na cara, não falam para mim, que me abandonaram, que me traíram, que ficaram longe de mim e não me estenderam a mão, quando mais precisei,  .... essas pessoas não podem ser chamadas de amigos, mas sim de gente sem coração, sem escrúpulos, sem alma, sem sentimentos, que me fizeram aprender muito durante este tempo!

São poucos os verdadeiros, sinceros e impecáveis amigos que tenho e apenas lhes digo isto:

Queres falar comigo, fala
Queres ficar comigo, fica
Queres acreditar em mim, acredita
Queres viver comigo, vive
Queres gostar de mim, gosta
Queres me amar, ama
Queres cuidar de mim, cuida
Queres me dar valor, dá
Queres sair comigo, sai
Queres me abraçar, abraça-me
Queres me mimar, mima-me
Queres me por feliz, põe
Queres me fazer rir, faz
Queres me por alegre, põe
Queres me ver sorrir, sê o motivo desse sorriso
Queres me  ter na tua vida, faz por isso
Queres que seja teu amigo, sê meu também
Queres que seja verdadeiro, não me desiludas
.........................................................................
Mas por favor, não me espetes uma faca nas costas e me abandones, me deixes só, não vires falso, não sejas oportunista e te aproveites de mim, não reajas como se me conhecesses, não sejas parvo, não sejas ingénuo e acredites no que dizem ou falam sobre mim, não sejas uma pessoa sem sentimentos, sem coração, sem escrúpulos e sem alma (....) nunca mas nunca me deixes sozinho, amigo verdadeiro, sincero, e único, pois posso precisar de alguém, só de uma pessoa, num momento qualquer, seja ele bom ou mau e só te ter a ti.....

sexta-feira, 28 de setembro de 2012 - 0 comentários

Uma Razão Para Viver ....

Não sei que fazer, hoje tenho imensos estados de espírito dentro de mim, sinto coisas diferentes, estou realmente a me chegar às pessoas, a me socializar, aos poucos e poucos e isso está a ser muito bom para mim, depois de todo o sofrimento que tenho passado e estado só no meu próprio mundo!
Passei a me socializar mais com a turma, mas não estou a dar muita confiança, às pessoas, e estou a fazê-lo bem, pois assim já não vão se aproveitar da minha ingenuidade e bondade, um passinho de cada vez, e conseguirei chegar lá ..... onde quer que seja, porque sei que tenho capacidade e consigo!

Ainda hoje, aconteceu algo que não estava nada a espera, uma pessoa que conheci há bem pouco tempo elogiou-me que sou um aluno que brilha, na minha turma, que têm capacidades, que distingo-me de todos os outros, essa mesma pessoa já entendeu que tenho muitas capacidades, para muito além de um 13, que foi a nota do ano anterior .... mas uma coisa é certa, no ano passado, passei por tantas coisas, aconteceram problemas, e isso acabou por prejudicar os meus estudos, não tem sido muito fácil a vida para mim, nada mesmo!!

Agora sinto-me bem na turma que estou, todos falam comigo normalmente, ninguém goza comigo, perdi o medo e segui em frente, arrisquei, tal como me tinha dito o psicólogo, que era este o próximo passo a dar! Uma vitória comprida .... agora é  continuar aos poucos a me aproximar das pessoas e a confiar em mim mesmo, e decerto que essas palavras que essa pessoa me elogiou serviram para me encorajar a viver a vida, ao máximo, aproveitante tudo o que esta tem de melhor!

Não sei o que dizer, o que contar, há tanto para falar.....
A vida mostra-te que vale a pena viver, lutar, amar, mudar, (...) por isso segue em frente sempre, luta, ama, conquista, vive, muda, arrisca, perde o medo, ... sê uma pessoa forte, feliz e cheia de memórias, boas lembranças para contar... como costumo dizer, em cada coisa má há sempre algo de bom, que acontece, que podemos encontrar, há sempre algo que aprendemos, com  tudo o que nos fizeram, por tudo o mal que passámos, foi a vida que nos pôs à prova, para nos fazer crescer e aprender a ser, para determinadas pessoas, não acreditar em tudo o que dizem, a sermos preparados para viver num mundo assim ....

A vida é bela, para quem gosta de viver, por vezes rimos e choramos, ficamos tristonhos, em baixo, mas isso tudo faz parte da vida, nela nada é perfeito, nada acontece simplesmente porque sim, por mero acaso, tudo tem um porquê, um motivo, uma razão para acontecer!!!
Toda a gente tem problemas, uns mais que outros, a vida não é um autêntico mar de rosas para ninguém, não existe nada assim ..... então temos de aprender a lutar, a aprender e a viver, por nós próprios, a fazer a vida valer a pena, é realmente importante aproveitar todos os momentos ao lado daqueles que gostam de nós, que nos amam, que lutam pelo nosso bem estar, (...) !

SIMPLESMENTE VIVE!
quinta-feira, 27 de setembro de 2012 - 0 comentários

Pensando no Ontem, Hoje e Amanhã!

Sinto a cada dia que passa, com cada vez mais vontade e vontade para escrever, isto está a tornar-se um vício, e este é dos bons!

Agora, finalmente já sei o que fazer para o artigo de Filosofia que o professor me pediu, decidi fazer sobre '' O Prazer da Vida, de Existir, de Ter Alguém'', qual a razão de vivermos, de cá estarmos, procurarei responder a perguntas tais como, ''O que é a vida'', ''Quais são as dificuldades da vida'', ''Qual a importância de EU existir'', '' Qual a importância de ter gente a nossa volta'', retratando assim um pouco assim a minha história de vida e abordando estes tópicos todos, acho que vai ficar um trabalho bastante bom, excelente e muito reservado, e especial pois grande parte das coisas já passaram por mim próprio!
Quero fazer algo diferente, do habitual, não me focar-me em temas habituais de Filosofia, mas sim focar-me na minha própria vida e através dela fazer o trabalho, claro sendo um pouco abstracto e cuidadoso (....)
É pensando no que aconteceu ontem,  no que me aconteceu no passado, que decido que isso tem de ser  arrumado, posto a um canto, e estou a fazer por isso, foi pensando nisso que me surgiu a ideia para este trabalho!

Hoje, não sei que mais escrever, são tantas as ideias que me vêm a cabeça, que parece que nenhuma encaixa aqui neste ''HOJE'' ..... apenas estou feliz, sinto-me bem, amado e contente, espero continuar assim...e vou seguir em frente com a minha vida venha o que vier, e sei que tenho pessoas do meu lado como a L. F.,  que foi a melhor pessoa que conheci até hoje e que não quero perder, nunca, ela é muito muito importante, digo isto com muita alegria e felicidade,  ela é uma pessoa forte, uma boa pessoa, uma grande amiga, uma boa companhia, uma boa mulher (....) não há palavras que eu a possa descrever, para mim ela é uma amiga dita '' PERFECT''.
Adoro o facto de a ter encontrado e de a ter na minha vida, nunca a vou trocar, nem trair, vou ficar com ela até ao fim da vida,
dum momento para outro a conheci, aconteceu tudo sem motivo, sem coincidências, sem nada apenas naturalmente, ela é uma grande grande e verdadeira amiga .. outra como tu jamais irei encontrar, verdadeira. sincera, fofinha, bonita, carinhosa, sempre disposta a ajudar, dar animo, aconchego ... etc!
Adoro a forma dela ser, de viver, de compreender, de lidar com a vida, com as barreiras que a vida lhe impõe, adoro a forma dela ser para mim, a rapariga mais fantástica que alguma vez eu conheci, e eu tenho muito orgulho nela...por todas as coisas que lhe aconteceram na vida, e ela ter dado a volta por cima.
Ela têm me ajudado imenso na minha vida, desde que a conheci que tive um pressentimento que a amizade que viria-se a criar era para uma vida, e agora, hoje, tenho a certeza disso, tu ajudas-te me a compreender a vida, os problemas, o porquê de viver, a dar valor a pequenas coisas que são as mais importantes (...) !

Amanhã .... esse dia chegará, vejo-me amanha como uma pessoa com muito sucesso, um grande escritor e empresário, gostava de apresentar o livro primeiramente, às pessoas mais próximas de mim e só depois o publicar...
Eu sei, e eu acredito ''Vou ser uma GRANDE pessoa, um grande Homem''!
Muita gente vai ficar surpreendida comigo.... :)

EU tenho aprendido muita coisa que a vida têm me ensinado por ela própria, tenho aprendido com os meus erros, com as minhas falhas, com as pessoas a minha volta ....
Aprendi que sonhar não é fantasiar, que p'ra sorrir temos que fazer alguém sorrir, que a beleza não está no que vemos, e sim no que sentimos, que o valor está na força da conquista. Compreendi que as palavras têm força, que fazer é melhor que falar, que o olhar não mente, que viver é aprender com os erros. Aprendi que tudo depende da vontade, que o melhor é sermos nós mesmos... Que o segredo da vida é viver! Compreendi que viver é ser livre, que ter amigos é necessário, que lutar é manter-se vivo, que p'ra ser feliz basta querer. Aprendi que o tempo cura, que a mágoa passa, que a decepção não mata, que hoje é o reflexo de ontem. Compreendi que podemos chorar sem derramar lágrimas, que os verdadeiros amigos permanecem, que a dor fortalece, que vencer engrandece.

Muito OBRIGADA L. por tudo, és a melhor pessoa na minha vida, não te vás, fica comigo e assiste a minha história e às minhas memórias, pois eu SOU UMA GRANDE PESSOA, uma pessoa diferente de muitos, um rapaz especial, há poucos como eu, há algo que me define diferente, algo que me faz especial... para todos os que me têm na sua vida! ;)

Obrigada por haverem pessoas como TU, neste mundo, por estares sempre aqui para mim, para o que der e vier, por me ajudares, por me ouvires, por me confortares, por me amares, por gostares de mim como sou, por não me julgares, por me mostrares como deve ser a vida, EU ..... sem ti, não sei o que seria de mim, não sei o que seria da minha vida hoje! ;)
quarta-feira, 26 de setembro de 2012 - 0 comentários

E Então e Agora .....

E agora .....

Por mais coisas que tenha feito, por mais erros que tenha cometido, por mais coisas que tenham acontecido, por mais pessoas que tenha feito sofrer, por mais asneiras que tenha feito, por mais que tudo ..... mereço uma segunda oportunidade de todos, estou a recomeçar a minha vida, aos poucos, a fazer uma reviravolta nela e o tempo decide quem vai e volta, quem fica na minha vida, niguém mas ninguém me pode julgar pelos comportamentos que tive, pelo que fiz, pela forma que agi, que lidei com os problemas inicialmente, .... eu agora sei e não tenho medo de admitir que ERREI, cometi erros, fiz coisas imperdoáveis, que não as devia ter feito,  dei valor a quem não merecia, pus de parte quem mais amava, passei-me a dar com pessoas que não prestavam, a seguir um mau caminho, a reclamar com tudo, com todos, a ser agressivo, revoltado para todos, a não pensar nas coisas antes de fazê-las ou dizê-las, a não querer viver, a querer desaparecer daqui, sentia-me tão mal, num estado deprimido, que pus-me isolado de tudo e todos, num mundo inteiramente vazio, sem ninguém ao meu lado, acabei por guardar todos os problemas só para mim, e a não partilhá-los com os outros, não dei ouvidos, não dei importância a quem devia e isso prejudicou-me imenso.

Agora sei dar mais valor a coisas que antes não dava, aos poucos e poucos, vou construindo dentro de mim, uma nova pessoa, com outras perspectivas, um novo EU, aos poucos tudo esta a me ajudar, as conversas que tenho tido com o psicólogo ajudam imenso!

Quantas, mas quantas as vezes, que repetia para mim: que era preciso ser forte. Inventei barreiras para ser indestrutível, como sorrir em vez de chorar, gritar (...) poucos sabem mas por dentro eu senti-me destruído, acabado, incompleto, vazio, ..... e ainda há alturas que me sinto um pouco assim, embora as coisas já tenham melhorado imenso, posso de facto, fazer um balanço bastante positivo!

Por mais que as pessoas achem mal de mim, falem de mim, não vou ligar a isso, por mais que me desiludam, não vou dar importância, por mais que me façam sofrer, eu vou é seguir em  frente, e eu sei, tenho a certeza, que não me vão deixar só, terei sempre alguém no mundo disposto a me dar a mão, a me ajudar, e esse alguém pode ser quem eu não imaginava em fazer isso por mim.....

TODOS MERECEM UMA 2ª OPORTUNIDADE, todos somos humanos, todos acabamos por magoar, quem não queremos, todos erramos, nem que seja 1 vez na vida,  não há ninguém que seja perfeito....!

- 0 comentários

Uma Vida...Caminhos e Objectivos!

Tudo na vida têm um objectivo, um porquê, uma razão de ser, tudo na vida custa, nada é fácil, nada é perfeito, nada cai do céu, é necessário trabalharmos agora,  termos força e dedicação, para um dia mais tarde sermos alguém, termos um futuro, podemos construir mais sonhos, termos uma vida estável (...) termos o nosso próprio dinheiro, não ter de dar satisfações a niguém onde e como iremos gastá-lo, comprarmos as nossas próprias coisas, isso dá prazer, sermos livres e não depender de ninguém para nos sustentar, podendo ser nós próprios a fazer isso !

Este esforço, esta trabalheira toda que está agora para estudarmos, pode ser cansativo, chato, e duro, mas um dia vai valer a pena, mesmo que eu não encontre trabalho fácil ao concluir a universidade, esperarei, porque só esperando é que um dia as oportunidades surgem (...), um dia todos temos a oportunidade, nem que seja uma para realizar, fazer aquilo que sempre sonhámos, ou nos imaginamos a fazer. Se pensas que as coisas caem do céu e não tens de fazer nada para as obter, estas redondamente enganado, isto porque, temos de trabalhar em tudo na vida, seja para estudar e ter boas notas, para conseguirmos encontrar a nossa cara metade, para sermos bons trabalhadores, com capacidades para executar as tarefas, termos cidadania,  para sermos valorizados e recompensados pelo que fazemos, ninguém nos irá pagar se não soubermos ser, se não fizermos nada do que nos mandam, se não nos esforçarmos, se não mostrarmos que merece-mos aquele cargo, aquela nota, ....
Não podemos desistir, baixar os braços logo à primeira tentativa, em tudo o que acontece na nossa vida, temos de lutar, com garra, força, determinação, a fim de conseguirmos, lembra-te que tudo é possível, basta TU próprio quereres e lutares, fazeres por isso a fim de alcançares tudo o que desejas para a tua vida, concretizar os teus sonhos, metas e objectivos!

A vida é um caminho a seguir, com barreiras e obstáculos para ultrapassar, é sonhos para concretizar, a vida é lutar, é viver, é amar, ..... não desperdiçaremos a vida, não queremos acabar connosco, se bem que isso por vezes já me passou pela cabeça, mas agora sei que não o devo fazer, porque tenho tudo o que quero, porque sou amado, porque tenho família e amigos, embora poucos que me adoram, sou feliz,  (...)
Em cada dificuldade, em cada obstáculo, em cada barreira, que encontramos ao longo do caminho, apenas seguir em frente e jamais olhar para trás... ;)

Seguir em frente com um sorriso no rosto, mesmo que haja muita magoa, cá dentro, há pessoas que te desiludem e acabam por te fazer ficar mal, que pensavas que as amizades com essas pessoas eram para a vida, mas afinal não foram ..... mas não podemos ficar em baixo por causa de pessoas como essas, é só a questão de seguirmos em frente e andar com a nossa vida, não podemos ficar presos a isso que essa pessoa nos fez, se queres falar, fala, se não queres, tudo bem ... não há problema.
Por mais que a amizade que tenhas com essa pessoa tenha sido forte, e a ligação com ela ... não te deixes afectar apenas sorri e aprende, aprende uma bela regra da vida: ''Dá valor apenas a quem realmente merece e a quem achas que deves dar!!''
Dá apenas valor às pessoas certas, aquelas que achas que elas merecem,  pela forma de serem para ti, por te apoiarem, por estarem sempre do teu lado, (...) e acredita que essas são bem poucas!
Não te importes com simples coisas banais, aprende a não dar importância a coisas fúteis, dá apenas importância aquilo que merece que dês importância, que consideras que isso tem um grande valor, uma grande afeição para ti!
segunda-feira, 24 de setembro de 2012 - 0 comentários

Agarrado à Música....

Hoje o dia foi bom, o balanço é bem positivo, já tentei me aproximar mais dos meus colegas, da minha turma e começando a falar e a me socializar um pouco mais, embora nas aulas, quase toda a gente passe a vida a tagarelar e eu fico ali quietinho e calado, pois sempre vi, uma sala de aulas, como um espaço sério, onde têm-se de respeitar o professor e não passar a aula a falar com o colega do lado...

Encontrei pessoas que já não via à muito, muito tempo... estamos todos mais crescidos do que quando estávamos no 7° ano .... eramos tão crianças na altura, foi um momento muito bom, termos nos reencontrado depois de tantos anos (...) rimo-nos de coisas que já fizemos, que agora de momento não faziam a minima lógica, mas que na altura aquelas pancas, brincadeiras, loucuras faziam todo o sentido do mundo para nós, fizemos cada coisa naquele ano, simplesmente fantástico!

Não gosto nada de desporto, hoje tive Educação Física ao ultimo tempo... detesto aquilo, desporto não faz o meu género....prefiro o computador, cantar e escrever, isso sim é a coisa preferida que mais adoro e tenho imenso jeito, que perdia tudo, se desperdiçasse esse maravilhoso dom!

A música é surpreendente, faz-nos sentir 1001 estados de espírito dependendo do momento, da ocasião, a musica é algo belo, único, mágico,  é uma cura natural, contra os males do mundo, esta acompanha-nos e faz-nos sentir melhor quando estamos em baixo, a musica é o melhor dos meus melhores amigos, ela nunca me larga está sempre presente todos os dias a toda a hora, a música é a minha paixão, o meu porto de abrigo, ela faz-me sentir sentimentos únicos, o que mais ninguém consegue fazê-lo!

Estive a falar com uma amiga minha a L. e ela adorou o meu anterior texto, publicado ontem, e teve a dar-me umas ideias para o meu livro e também elogiou a minha forma de escrever que está a progredir, fico muito contente e feliz por estes magníficos elogios, vindos de pessoas como tu, porque tu, realmente és uma excelente pessoa, não te posso dizer que te conheço a muito tempo, apenas à dois anos atrás, mas sei o que estou a dizer, eu gosto muito de ti, tu és muito boa amiga, estás aqui para o que der e vier, apoias-me imenso na construção do meu livro, em tudo, tem sido uma excelente pessoa para mim, tens me apoiado muito e feito grande parte da minha vida, ao longos destes 2 anos para cá, OBRIGADA!

Tenho imensas saudades de estar contigo, de cantarmos juntos, de fazermos juntos a festa, um dia desses temos de combinar para cantarmos, morro de saudades das nossas aulinhas bem divertidas, onde música e talento não podia faltar... simplesmente adoro e amo cantar, faz-me sentir muito feliz e alegre, por mais triste que a música seja, o sentimento que é transmitido esse já deve ser consoante a música se é alegre ou triste!

Ao cantar, sinto-me livre, liberto,  transmito emoções aos que me ouvem, encanto quem me ouve, cantando expresso os meus sentimentos, da melhor forma, ainda melhor do que escrevendo, pois ao cantar as palavras ficam ao ouvido dos que me ouvem,  posso ''controlar o mundo'', cantar é como se não tivesse mundo, criando assim o meu próprio, com os meus fãs, com as pessoas que admiram o meu talento, o meu jeito para esta arte (....) cantar ajuda-me a soltar a me sentir bem, tal como escrever, mas ainda mais, porque estou transmitindo a minha voz e os meus sentimentos através da música!

domingo, 23 de setembro de 2012 - 0 comentários

A vida é uma lição ....

A vida é uma corrida na qual temos obstáculos para ultrapassar e metas para vencer, objectivos para cumprir, sonhos para realizar, histórias para contar  (....)

Não vale a pena andarmos num estado de coitados, a dizer que não conseguimos nem podemos resolver os nossos problemas, reclamar que temos problemas, não resolve de nada, não os minimiza, não acaba com eles, não os faz desaparecer, temos é de ser nós próprios o tomar essa iniciativa, de mudarmos a nossa forma de lidar com os mesmos, de os enfrentarmos, de tentar esquecê-los e minimizar a nossa vida, viver uma vida despreocupada, sem stress e aproveitá-la ao máximo, viver intensamente cada momento que passa...
Não podemos jamais deixar que os problemas dêem cabo da pessoa que somos, que nos afectem a nossa auto estima, a nossa coragem, a nossa vontade de viver .... o problemas têm de ser dominados por nós, há que ter força, coragem e determinação para poder ultrapassar todas as barreiras que a vida nos impõe, com o passar do tempo!!!

PROBLEMAS, isso todos nós temos, o pior, é mesmo lidar com eles, saber a forma de controlá-los, há muitas pessoas que perdem o controlo dos seus problemas e deixam que eles as afectem, dêem cabo da sua pessoa, da sua auto estima, falo por experiência própria, pois de momento estou a passar por isso e sei muito bem que por vezes não é fácil saber como havemos de lidar com um determinado problema/situação que nos atormenta ....

Mas felizmente, há uma altura em que as coisas mudam, transformam-se e as pessoas mudam, e é com consciência que admitem que cometeram erros, que deixaram de dar valor ao que era importante, a por tudo de lado, a viver num mundo só seu, a não se importar com absolutamente com nada, a perder a vontade de viver (...) as pessoas acabam por descobrir como viver, uma vida bela, cheia de coisas boas, de bons momentos, de alegrias, de felicidade, de amor, de amizade, aprendendo como resolver e lidar com todos os seus problemas, passando assim a aproveitar todos os momentos belos, ao máximo, a cada dia que passa ao lado de todos, os que nos amam, se importam connosco no dia a dia, que nos querem ver felizes, a concretizar os nossos maravilhosos sonhos, amados e bem de vida. E a não desperdiçar oportunidades incríveis, que por vezes só acontecem uma vez na vida inteira, as pessoas mais fortes, mais valentes, mais detentoras de uma forte personalidade, de um grande carácter, as pessoas mais belas e sinceras do mundo, as mais verdadeiras, são as pessoas como EU, dotadas de uma forte personalidade com as maiores cicatrizes passadas, ao longo de uma vida inteira!!!!

Essas são das melhores pessoas que podemos conhecer, com histórias de vida surpreendentes, incríveis, bonitas, fortes, duras de se viver, e ultrapassar, que ficam no ouvido de quem as ouve e na memória de quem as lê! Essas pessoas lutam contra tudo, são muito determinadas, quando querem conseguir uma coisa, tem imensa força e vontade para viver e serem felizes!

Simplesmente essas pessoas, assim como EU, são as mais simples, as que sabem e aprendem a dar valor ao que têm na vida, são amigos dos seus amigos, os mais carinhosos, os mais fofinhos, os mais frágeis porém acabam por ser os mais fortes, porque lutam e lutam, vão até onde tenham que ir para, conseguir atingir os seus objectivos, concretizar os seus sonhos, as suas metas de vida .... as pessoas que me têm como amigo, não têm só um bom amigo, como uma excelente pessoa à sua frente, dotada de verdadeiras e surpreendentes capacidades!! Por isso espero que me dêem o devido valor que mereço!

Obrigado a todos os que me têm apoiado, nesta luta incansável, obrigado aos que têm feito boas criticas aos meus textos escritos neste blog, obrigado por tudo a todos! :D
sábado, 22 de setembro de 2012 - 0 comentários

Um novo dia, uma nova chance, uma oportunidade ....

Ontem, estive mal, a discutir com os meus pais e com a minha prima, sobre coisas parvas, sem sentido, às vezes penso em cometer uma asneira qualquer, mas não o faço, porque sei que depois irei me arrepender  e o arrependimento já não vai servir de nada depois da asneira já ter sido feita (....)

Também ainda ontem, uma pessoa, que é minha amiga, com experiência de vida disse-me que tenho de ser confiante, ter auto estima, ser forte, que não posso deixar que problemas me abalem e sobretudo não precisar de alguém para ficar feliz, não tenho de concentrar todo o valor nesse alguém e o resto passar ao lado,  pois se isso acontecer, quando eu perder esse alguém que dava mais valor do que tudo, acabarei por cair, acaba a minha vida, a minha auto-estima, acabo só, e nesse momento já não tenho algo em que me apoiar, família, amigos, ... porque tinha dado o valor a 1 só única pessoa e posto de parte os outros, tenho de ser feliz sem precisar de alguém, e isso parte de mim.
Muito obrigada A. ajudou-me a conversa que tivemos! ;)
Sei também através da A. que é difícil de publicar um livro nos tempos que correm, mas isso não é nenhum motivo para eu desistir de o publicar, se não o publicar na altura que estou a pensar, publicarei mais para a frente....
Ontem decidi também entrar num concurso, o clube de leitura, e terei de escrever uma opinião pessoal devidamente bem fundamentada, sobre um livro ... isto graças a A. que me acabou por convencer, e depois de ler alguns textos meus, disse que era uma pena eu não concorrer ao concurso, como eu adoro escrever e tenho jeitinho, sei que vou fazer um belíssimo trabalho!

Hoje acordei cedo, fui a mais uma consulta com o psicólogo, estive a falar muito com ele, umas quantas horas, a falar sobre todos os meus problemas, porque continuo agressivo, com raiva e revolta, sobre os meus problemas no passado, na minha antiga escola, quanto ao facto de não ter ninguém na vida, quanto aos meus medos e receios, nervosismo, ansiedade, .... realmente está-me a ajudar imenso, a conversa com ele valeu a pena.

O psicólogo disse-me que tenho de arriscar, e que já chega de estar assim, triste, deprimido,  longe das pessoas, já chega de magoar quem mais amo e peço desculpas, a quem o fiz, já chega de estar neste estado ....  e isso só pode ser feito por mim, eu irei sair deste profundo pensamento do que aconteceu no passado, estou a viver muito preso ao meu passado, e a perder a vivência do presente e do futuro.... e isso é mau!


Ele disse-me também que tenho de seguir em frente e arriscar, me aproximar das pessoas, dos meus colegas, dos meus amigos, da minha família, falando com eles, ... não posso continuar neste ambiente fechado, longe de tudo como tenho estado, senão nada anda p'ra frente, vou continuar assim o tempo todo!
Quanto à minha raiva, à minha revolta, tenho tentar controlá-la, tentando respirar fundo, contando ate 10, para não explodir e depois também a importância em me aproximar do mundo, irá intervir e ajudar neste caso, pois ao me aproximar das pessoas irei ficar bem, contente, feliz ... e irei passar a ser calmo, a ter calma com as coisas, a dar valor ao que é realmente importante, a preservar o que tenho de mais bom na vida, uma família que me ama e que gosta de mim incondicionalmente!

Não posso também deixar de me expressar oralmente, tenho de falar, tenho de aprender a conquistar de novo a confiança que havia em mim, a minha auto estima, e mesmo que fique nervoso e muito ansioso para as apresentações, aos poucos vou conseguir ficar confiante, e depois vai passar a ser algo do mais natural possível daqui a uns tempos ... na opinião dele fazendo isso tudo vou me sentir melhor e aos poucos o passado vai ''desaparecer'', vou saber lidar com ele como algo natural que me aconteceu para me por forte, para me fazer crescer... , é importante também arranjar uma ocupação para me manter sempre ocupado, assim ''livro-me'' de pensar em coisas que não deva. Não vou encontrar alguém se não me socializar, se não me chegar às pessoas, conversar, dialogar com elas ... não posso ter medo de me aproximar de tudo, do mundo, das pessoas, por vezes há que pisar o risco, e eu terei de o fazer e seguir em frente com a minha vida!

Só eu, EU próprio, posso tomar a iniciativa de sair deste estado, só eu o posso fazer, pois niguém o pode fazer por mim, eu acho que fiquei demais agarrado a este meu passado, devido à minha mente não conseguir parar de pensar nele, e estar sempre é como se já não conseguisse  pensar noutra coisa.... por mais que eu me sinta magoado, injustiça-do, revoltado, e tudo mais, não posso deixar que isso me domine mais a partir de hoje! ;)

Agora vejo e dou a razão a 100% a minha prima na conversa que ela teve comigo ontem, ela disse para eu não ligar ao que dizem de mim, '' eu sei o que sou '', não preciso que mo digam, e se disserem, não me posso jamais importar com isso .... tenho também, de lidar com os meus sentimentos e minha raiva, a minha revolta e tudo o resto, faço das palavras dela minhas ''EU consigo, eu vou conseguir, basta eu querer'', sair deste pesadelo, deste drama, desta porcaria de vida, pouco a pouco, um dia de cada vez, cada dia mudar um pouco, eu agora sei que podia estar a aproveitar o meu presente ao lado de todos os que me amam, que gostam muito de mim, e que  sei que tenho os magoado muito mesmo não querendo ....  Obrigada prima L. , desculpa apenas de ter duvidado do que dizias e de insistir que não conseguia sair deste maldito drama!

Peço a todos uma nova oportunidade, irei ficar bem, irei melhorar, e ser uma pessoa mais forte, e não vou me deixar vencer pelo passado, tenho uma vida pela frente, um curso para aproveitar, a escola para acabar, um curso superior para tirar, uma empresa para construir .... e muitas mais coisas que a vida pode dar a oportunidade de concretizar!!

Já estou mais feliz, mais contente ..... já percebi o que tenho de fazer, nos próximos dias, nas próximas semanas, ah ah, antes que me esqueça, o psicólogo propôs-me um desafio, ao fim de cada dia tenho de escrever tudo de bom o que me aconteceu para depois levar quando for a próxima consulta, adorei o desafio, pois escrever é o que mais gosto de fazer .. foi tão bom ter descoberto este magnífico dom, com futuro, todo o esforço agora feito, vai valer a pena e muito (...) e quem sabe um dia desses não conte com uma boa surpresa .... :)

E aqui está, o meu primeiro texto verdadeiramente positivo, .... vindo de mim, é  muito bom e fantástico que continue assim!!
sexta-feira, 21 de setembro de 2012 - 0 comentários

O tempo ....

Eu sempre pensei que o tempo curasse tudo, vivo abraçado a essa ideia ... mesmo nas coisas mais horrorosas e marcantes, mas nenhuma ferida acabou por sarar, e o tempo agora trouxe-me mais inseguranças, perda da auto-estima, medos, vergonha, solidão, (....)

O tempo vai e não volta jamais, eu não consigo lidar com o meu passado, visto que este assombra-me todos os dias, todos os dias vêem-me aqueles determinados pensamentos à cabeça, principalmente à noite, que é a pior altura do dia, para mim, isto porque penso em tudo o que me aconteceu mesmo que não queira ... é inevitável, não posso controlar isso!

Há mais ou menos seis anos atrás, quando andava no 5º ano, os problemas começaram e continuaram até ao 9º ano, havia um rapaz, só por ser bom aluno, exemplar e ter notas razoáveis já chamavam de betinho e que sofria imenso com isso. Depois começaram a pô-lo de parte, a dizer que era deficiente, diferente dos outros, só por ter tido alguns problemas na vida, à nascença .... coisa que muita gente desconhece, pois as pessoas, acabam por julgar e interpretar mal as coisas, sem saber da verdade, começaram a falar mal dele, a espezinha-lo, a tratá-lo mal. Inventaram dezenas de mentiras sobre ele, de tantos assuntos diferentes, de forma a afastar ainda mais as pessoas que ainda continuavam perto dele. Ele ficou sozinho, sem ninguém a seu lado .... houve alturas piores ou outras um pouco melhores, desde o 5º até ao 9º anos.
Sempre que ele passava mandavam boquinhas e piadinhas de mau gosto, diziam que era gay, inventavam murmúrios e espalhavam por toda a escola, e de repente a certa altura, a escola toda passa a conhecer esse rapaz ... e todos lhe fizeram a vida num inferno. Ele andava sempre muito em baixo triste, só, sem ninguém com quem conversar que o ajudasse, sem ninguém em quem se apoiar, sem nada, apenas sendo vitima de bulling, alvo de todos, tanto dentro como fora da escola, não havia nenhum sitio onde não fosse gozado. Ele passou o maior pesadelo da vida dele nestes anos todos, os piores momentos da sua vida, nunca pensou em ser tão traído, por gente que pensava que era sua amiga, e afinal era só bluff, ele era muito ingénuo, e acreditava que por ele ser verdadeiro as outras pessoas também o eram ...
No meio de tudo o que teve de passar sozinho, sem niguém para o ajudar e isso marcou-o imenso e está a prejudicá-lo agora no presente!!!

A minha visão do meu ''Mundo'', o mundo onde vivo, é de um mundo cruel, injustiça-do, com poucas pessoas de bem, com poucos amigos, um mundo de desilusões, a cada dia que passa, de amargura, de tristeza, de solidão, de falsidade, de mágoa, de angustia  (...) um mundo que não presta para ninguém viver nele, eu não merecia nada do que eu passei, nada mesmo, fizeram-me a vida num inferno, foi tão cruel, tão triste, ... e o que muita gente não imagina, é o quanto, é difícil lidar com estas coisas, o pior dos piores, foi querer ter e precisar APENAS de 1 PESSOA, para me estender a mão, me apoiar, me ajudar, me confortar, me dizer que tudo vai ficar bem e se resolver ... e NEM 1 TER ao meu lado!

Isso mexe imenso comigo, magoa-me, fere-me grandemente por dentro, porque, não houve ninguém que visse-me abatido, em baixo, triste, e dissesse-me o caminho é em frente, ergue a cabeça, e anda ... eu vou te ajudar, não posso ter ver assim, custa-me ver-te passar por isto, as pessoas não podem fazer de ti o que querem, .... é que nem uma palavra amiga de alguém tive assim, faz-me pena como as pessoas podem ser tão tapadas e se preocuparem só com elas próprias, esquecendo os outros a sua volta! :(



quinta-feira, 20 de setembro de 2012 - 0 comentários

Pensando na vida, a cada dia que passa ....

A cada dia que passa, vejo que não estou mesmo bem, que tenho algo mal dentro de mim, que não confio em mim, que não sou capaz de fazer isto ou aquilo, não me consigo expressar perante as pessoas fico excessivamente nervoso, em pânico, assustado, a transpirar muito, a tremer, e não consigo controlar isso, as pessoas a minha volta já notaram que estou com dificuldade em me expressar oralmente, e sei que faço má figura, demoro a dizer as palavras, quase que gaguejo, fico bloqueado, troco as coisas, digo tudo errado, e hoje isso aconteceu na aula de Inglês e mais algumas vezes, a algum tempo atrás!

Se me disserem uma coisa agora eu esqueço-a muito facilmente, ao que parece a minha memoria só funciona bem a longo prazo, tenho de escrever tudo se não eu esqueço-me!
É como se não me tivessem dito nada, não sei como posso me esquecer das coisas, assim desta forma, se eu tiver coisas para fazer, trabalhos da escola ou assim, se não fizer uma lista das coisas, esqueço-me delas.

Hoje o dia correu um pouco melhor, mas continuo mal, com os mesmos problemas, os meus colegas, já disseram e tudo que não consigo me expressar oralmente e isso é mau, foi como tipo, gozassem comigo por, já não conseguir falar a frente de muita gente ....  já me comecei a tentar me aproximar de alguns colegas, só falei com um hoje, o D.  embora seja muito difícil, porque a insegurança e o medo é tanto, o receio, os nervos, a angustia, a tristeza que tenho em mim, de 'não ter ninguém na vida', uma pessoa especial, que goste de mim, que me aceite como eu sou, que me dê valor, que me apoie no que der e vier, que fique sempre do meu lado, quando todos viram as costas .... ainda não encontrei essa pessoa, sinto-me necessitado de a ter, é-me muito importante, e acredito que isso e outras demais coisas na vida, me iram fazer crescer mais, dar valor a tudo na vida, antes de perder, pensar nas coisas antes de as dizer, tentar controlar os problemas que tenho e me tratar, (...)  não aguento mais ficar neste estado, durante mais tempo....

Sinto receio, medo, e tudo o que disse anteriormente de falar, é ao escrever que me sinto bem, à vontade, consigo transmitir, aquilo que quero , aquilo que sinto, sem atrapalhes, sem impedimentos, sem medo,  ao escrever viajo por entre mundos desconhecidos, que eu nem sabia existir, viajo pelo mundo das palavras, dos sentimentos, das emoções ... e só agora descobri que tinha um dom, que nem sabia da sua existência anteriormente, devido a certas coisas que se passaram na minha vida.
E vejo que devo continuar a fazê-lo, a escrever, a partilhar, o que sinto dentro de mim, ''quando uma pessoa se entrega de corpo e alma a algo, o resultado nem corresponde às expectativas, é muito melhor'' ...

quarta-feira, 19 de setembro de 2012 - 0 comentários

Os meus maiores inimigos ....

Não consigo viver com as pessoas, me chegar a elas, não me sinto bem comigo, tenho medo de sofrer, tenho medo que aconteça o que mais receio, eu  continuo muito isolado, por mais que tente e me esforce não me consigo aproximar de pessoas, não consigo conviver com elas...

Hoje na aula de Inglês a professora pediu para nos apresentarmos oralmente, dizermos, o nosso nome, de onde somos, o que gostamos de fazer nos tempos livres, perspectivas para o futuro, falar sobre a nota do ano anterior e sobre a família.
Quando se aproximava da minha vez, eu comecei cada vez mais a ficar nervoso, ansioso, com a respiração acelerada, e quando fui falar, senti-me preso, como se as palavras não me saíssem, e fiquei atrapalhado e notou-se isso. Já ontem na aula de PT a professora pediu para escrever um texto sobre a importância dos sonhos, e  quando chegou a minha vez de ler também fiquei muito atrapalhado e nervoso, quase não conseguia dizer as palavras...eu tenho andado muito inseguro, não tenho confiança em mim, acho que não consigo fazer as coisas, que não tenho capacidades,  tenho a auto-estima tão em baixo, e por isso escrever foi a única forma que encontrei para poder transmitir o que sinto, daí decidi criar o blog e depois mais tarde o livro. Ao ler eu atrapalho-me todo, saiu-me muito mal, o que sei fazer melhor é escrever, é escrevendo que faço textos lindos, bonitos, textos dignos de escritor, com alma, carácter, conteúdo, emoções, sensações ...

Falei e conheci hoje uma pessoa, que a primeira vista deu-me muito boa impressão dela, essa pessoa diz que vai me ajudar a lidar com o meu receio, com as minhas inseguranças, com a minha auto-estima  ... ainda bem que ainda existe gente boa neste mundo, dispostos a ajudar os outros a estender a sua mão amiga, ... uma noticia boa, no meio de tanta amargura e tristeza que me invade!

Não sei se sou capaz, se tenho força, se acredito em mim, se conseguirei vencer e ultrapassar isto, estou perdido, sem saber o que fazer, sem saber o caminho que deva seguir, sem saber o que fazer da minha vida .... alguém me apoie e ajude!
- 0 comentários

Hoje....

(Dia de Ontem)

Hoje, foi mais um dia para esqueçer, a escola começou, novas regras, novos professores, novos colegas. Certos colegas da minha turma, parece não irem muito com a minha cara, só por enquanto que vivo em Machico, quando souberam, olharam para mim com uma cara... não sei pode ser apenas impressão minha, eu não me sinto bem comigo próprio, tenho medo, receio de me aproximar de pessoas e que estas me acabem por magoar, eu não quero sofrer outra vez e ainda continuo isolado de tudo e todos, não consigo voltar ao mundo real e ser quem eu realmente sou. Tenho muito medo, estou com a auto estima em baixo, estou inseguro que as coisas que me aconteceram, voltem a acontecer.
Há pessoas vão logo rotular as outras que são isto e aquilo .... só por serem como são, só por viverem onde vivem, (...)

No turno da tarde aconteceu uma coisa que não estava à espera, um colega meu chamado X, ia me beijando gasppor causa que ele queria ver uma coisa minha, o meu calendário dos testes e eu disse que não, e então ele disse ''Eu vou te beijar'', ele aproximou-se de mim e estava quase a o fazer, que acabei por quase lhe dar uma chapada, ele teve sorte que só chegou a levar com o meu cotovelo! Eu não estava a espera que ele fizesse isto, ele deve pensar que eu sou gay, para fazer uma coisa dessas, é uma situação embaraçosa para mim ... :(
Uma pessoa fica cada vez ''mais burra'' com esta gente, fazem cada coisa, que vou dizer, ''SEM COMENTÁRIOS''.

A única coisa que aconteceu de bom, neste dia, foi eu ter reencontrado os meus amigos da turma do ano passado, e outros que já conhecia de outras turmas, o R. e o N.

Depois das aulas reencontrei uma pessoa, a B. que não falava comigo à muito tempo, há meses, [essa pessoa deixou de falar comigo sem motivo aparente, éramos tão amigos, e ela nunca mais me tinha dito nem um ''Olá, tudo bem?'', ''Como tens estado?'', pensei que ela não falaria mais comigo para o resto da vida, pensei que ela tinha se esquecido que eu existia no mundo],  na paragem e fiquei surpreendido quando ela falou para mim, aquilo tocou-me não estava a espera que ela fala-se comigo, fomos falando sobre a escola, sobre os colegas ...

Fiquei contente por esta amizade se reactar, ao menos isso,  foi isso que me pareceu ter acontecido, tenho passado por coisas terríveis na minha vida, ao menos que haja algo de bom no meio desta imensa tristeza!

Depois apanhei o autocarro e vim para casa, cansado de rastos, devido ao calor enorme que se fez sentir todo o dia e a um dia cheio de aulas.

O pior até não foi na escola, o pior foi cá em casa, quando cheguei os meus pais começaram a mandar vir comigo, perguntaram-me como tinha corrido o dia de aulas, e eu respondi bem, depois contei que se havia de pagar coimas, se fizéssemos asneiras, e que estas eram as novas leis em vigor na escola, e depois eles dizem coisas a toa, e eu passei-me .... a certa altura, começaram a dizer que estava falando alto, que era para abaixar a voz, o meu pai estava sempre a pegar comigo, não sei porquê mas não me consigo dar bem com ele... acho que já é assim desde pequeno, pelo menos do que eu me lembre.

Depois o meu pai começou a ir buscar coisas que se passaram, do meu passado, erros que cometi e atirou-mos à cara, não gostei nada disso e saltou-me a tampa e não consegui controlar a minha raiva, a minha fúria, a minha revolta, eu detesto mas detesto que vaiam buscar as coisas que já me aconteceram, eles estão sempre a me atormentar com o passado, e eu, só desejo ''esquecê-lo'' e saber lidar com ele, e viver o presente e o futuro.

Estava em tal sítio em família a conversar a noite e depois começamos todos a discutir, os meus pais tão fartos de mim, tão a sofrer, não compreendem como posso estar assim, revoltado, com raiva e magoado, e a minha tia também começou a dar uma lição de vida a mim, que tinha de me controlar, que o tempo nos ensina, que os meus pais nem a família merece o que faço, como reajo, como ajo, as minhas atitudes para com os mais velhos e blá blá ..... eu não aguentei e explodi outra vez, super enervado com as coisas que eles me disseram, saltou-me a tampa e fiquei revoltado e falei alto!

O meu pai disse tens dois anos para melhorar, senão 18 anos podes ir te embora lá de casa, nós não te vamos sustentar, vais ter de trabalhar e viver sozinho, e sabem que mais, eu já tinha pensado em fazer isso, quando fizer 18 anos saiu da casa dos meus pais e vou para o meu próprio canto, nem que tenha de partilhar a casa com alguém, e irei trabalhar e ganhar o meu dinheiro, não tenho nenhum problema em relação a isso .... só sei que já não aguento mais isto!

Quando era para jantar eu recusei comer, com tudo o que aconteceu hoje, fiquei sem fome, perdi-a ... o meu pai passou-se e queria me obrigar a comer e ia me dar umas lambadas de correia, eu não aceitei isso, não comi nada ontem desde o lanche as 7h, ele disse assim: "Vai buscar o teu passe e dá-me e amanhã vais como quiseres, a pé e sem dinheiro para a escola'' e vais ter um castigo bem grande, disse a minha mãe, vou tirar a Internet, tudo ... ''Não sei como podes ser assim para nós, não há razões nenhumas para isto que estás a fazer''  eles pensam que não tenho razões mas tenho!

Eu podia ficar noite toda a mesa e me obrigarem a comer, eu não comia, não dava o braço a torcer, podia também não me deixarem comer o que eu queria, só ter o jantar para comer, não fazia mal,  eu nada comia, ficava com fome, mas nem 1 colher de comida metia na boca,  já em pequeno era assim!

Se uma pessoa que diz uma coisa que não gosto nada, eu tenho de responder, não me consigo controlar jamais, senão responder fico como se fosse entalado, por isso tenho de responder senão explodo.  Eu não me consigo conter e tenho de dizer na cara da pessoa o que penso, isso é incontrolável, esta raiva, esta revolta, esta angustia, esta tristeza imensa, hoje só aconteceu uma coisa de bom :(

Estou bem farto disto tudo .... não aguento mais isto, ontem à noite, não sei o que me apetecia fazer, apetecia-me cortar, gritar, beber, fugir daqui e não voltar, estou farto que me tratem como me tratam, que me rotulem, que me critiquem, por tudo o que eu faço, por tudo e por nada, que digam que sou isto e aquilo, inválido, que não sei fazer nada, que sou um inútil, que não tenho valor, que não vou ser ninguém na vida , que não presto para nada, que sou bruto (...) estou farto, fartinho de ser rotulado, JÁ CHEGA, basta, estou de rastos com isto tudo, não sei que fazer, estou perdido e desorientado ... odeio mas ODEIO mesmo que vaiam buscar o meu passado, as coisas pelas quais passei e que me aconteceram até o dia de hoje, detesto que façam isso e passo-me completamente, salta-me a tampa.
Houve pessoas no passado que deram cabo de mim, da minha pessoa, e que hoje não as consigo olhar na cara, essas pessoas fizeram-me sofrer à seria, fui muito humilhado, espezinhado e gozado por todos, fui alvo de gozo duma escola inteira, só por ser diferente, ser certinho, um betinho e não ser rebelde e fixe como os outros!

Toda a gente o fez, e conseguiu, me deitar abaixo, toda, não houve ninguém que me estendesse a mão para me ajudar e apoiar, nesta dura e complicada situação, fui guardando tudo só para mim, até ficar cheio e não contei o que se havia passado a ninguém, só acabei por contar, quando não conseguia suportar mais e mais .... quando já não aguentava, quando já não podia ver a cara dessas pessoas a frente, sentia raiva e revolta deles, só me apetecia lhes dar um par de chapadas a essa gente. Chegou a um ponto que eu já não queria ir mais para a escola, estive de rastos e ainda estou .... ser gozado por uma escola inteira, ter uma pessoa de família que inventou uma calunia horrorosa sobre mim e humilhou-me com isso, pff, foi a pior coisa que me aconteceu, ninguém, mas ninguém acreditou em mim e ficou do meu lado, todos acreditaram nela e gozaram imenso de mim, fizeram-me sofrer, trataram-me mal!


É tão triste e desolante não ter pessoas à nossa volta, dispostas a nos dar a mão, a serem nossas amigas, a nos ajudar e apoiar em tudo o que precisarmos, a ficar do nosso lado mesmo que toda a gente nos vire as costas, uma pessoa que acredite em nós e não no que os outros dizem sobre mim por aí (...) eu só precisava de uma única pessoa, e nem uma tive!

Sinto-me de rastos, triste, abandonado, só ... com poucas pessoas que me entendem, que me percebem na perfeição, eu já não aguento mais, já estou farto de discussões e não sei que faça para acabar com elas :X

Este ano está a ser um grande desastre para mim, o pior de todos, não há mais nada que não me façam, não há mais nada que não me aconteça,  malditos 16 anos, sinto imensas saudades do tempo de criança quando tinha 4, 5 anos era tudo tão diferente, tão perfeito, tão bom ...muito mesmo, esses eram os bons e melhores tempos da vida!

Já não posso mais com isto, AJUDEM-ME por favor!



terça-feira, 18 de setembro de 2012 - 0 comentários

O Porquê de Escrever ...

Desde a algum tempo, que sinto a vontade de escrever, para me expressar, libertar para o papel aquilo que me vai na alma e no coração.
Escrever faz-me sentir liberto, livre, uma pessoa diferente, mais confiante, mais segura de si própria, mais feliz, mais alegre, mais acarinhado, com pessoas a sua volta, mais amado, por aqueles que gostam dele, mais feliz, mais vitorioso, com capacidade para fazer tudo, pois nada é impossível de se realizar, basta nós querermos e fazermos por isso, trabalhando!

Escrever faz-me sentir na lua, escrever para mim é algo do mais belo que há, é uma forma de me exprimir através das palavras, é dizer o que sinto por dentro, o que me vai no coração, o que se passa comigo, os meus pensamentos, a razão das minhas atitudes - e escrever é também ter pessoas que me acompanham, que lêem os meus textos, poemas (...) que depois me confortam, dão-me apoio, força para continuar com esta luta, e não desistir dos meus sonhos, dos meus objectivos, das minhas metas para a vida.

Escrever é simplesmente tão bom e faz-me bem a alma, ao coração, é como se descarregasse o que tenho em mim, é como se os meus problemas fossem bem menores, num texto repleto de emoções e sensações, é simplesmente a melhor forma que eu arranjo para dizer aquilo que não consigo cara a cara, é um meio de comunicar e de transmitir ideias, pensamentos, emoções, ... daí que pensei muito bem, e acabei por decidir em escrever um livro, sobre mim, sobre os meus problemas, sobre a minha vida, por todas as coisas que já passei, sinto que posso ajudar outras pessoas, que hoje me dia passam por situações semelhantes, uma forma ser solidário para com elas, e também dar a conhecer ao mundo a minha história de vida, tão bela que ela é, repleta e cheia de emoções vividas por todos a minha volta, é uma história dura de se viver, por isso, admiro em mim a minha força, a vontade de continuar a lutar incansável, que tenho tido para ultrapassar todas as coisas que já me aconteceram, até agora.

Espero que possa ajudar as pessoas da minha idade a compreender melhor a adolescência, uma fase muito complicada por qual nós todos passamos, uns mais do que outros. Não posso perder jamais é a vontade de continuar a lutar e a força, não me posso deixar ir abaixo.
Apesar de algumas coisas na minha vida já estarem um pouco melhores, eu sei que ainda não estou nada bem, por mais que eu não queira todas as noites vem à cabeça os mesmos pensamentos, em tudo o que já me aconteceu, no meu passado, um passado duro, triste, amargo, com o qual eu próprio não consigo lidar.`


domingo, 16 de setembro de 2012 - 0 comentários

Vida ...

Sobre mim, há muito que se diga .... tenho uma história de vida, incrível, surpreendente, dito por outras palavras um milagre que aconteceu, para poder estar cá hoje, aqui e agora neste momento!!

Há dentro de mim, muitas coisas que me tem magoado imenso, ao longo deste tempo, desde pessoas a coisas, tudo, sinto que estão muitas coisas erradas dentro de mim, por vezes nem sei como me sinto, tenho estado tão em baixo, tão sozinho sem ninguém a meu lado, escrever ajuda-me a me libertar. Há coisas com as quais não consigo lidar, há coisas no meu passado que me chocam, que me assolam todos os dias da minha vida, todas as noites com os mesmos pensamentos, é inevitável, mas vem-me tudo a cabeça, é algo incontrolável.
Já passei por inúmeras coisas, muito complicadas até aqui na minha vida, e não tem sido fácil para mim conseguir andar para a frente, é uma luta incasável, não sei por vezes onde consigo arranjar forças para consguir ultrapassar as duras barreiras que a vida tem-me imposto.


Esta idade, esta fase, esta adolescência está a ser tão dura para mim, não sei de onde me vire, não sei como reaja, não sei como lide,  não sei que faça, não sei como ponha a minha vida de pé ... ficando feliz, contente e abandonar por uns tempos, dias, momentos, segundos .... esta tristeza que me invade, esta angustia, esta solidão, esta revolta, esta raiva, devido a tudo o que tenho passado ... quero estar e me sentir bem, quero ter alguém, alguém especial, alguém que me ame, que me aceite tal e qual como sou, que me dê valor, que saiba ver quando está tudo mal, mesmo que eu diga que está tudo bem, que cuide de mim, que me abrace, (....) quando será que vou conseguir ficar bem, quando chegará esse dia .... tenho tentado pensar o mais positivo possível que tudo há de melhorar, mas nem sempre é fácil fazê-lo, há que haver esperança e nunca desistir de lutar, sobretudo isso!

- 0 comentários

EU


Quem sou eu? 

 Um simples rapaz...que já viveu muitas coisas ao longo da vida. Adoro ler e escrever, e dai tenha decidido criar o blog, isto porque sinto que posso ajudar as outras pessoas, desabafar os meus problemas, ser ajudado, e compreender melhor a vida.

Escrever e ouvir música é o meu refúgio. Ao escrever, posso ser quem quero e como quero, posso viajar, posso imaginar o futuro, outra pessoa, igual a mim, mas com muitas diferenças, mais confiante, mais feliz, mais forte, com mais garra, com imensa vontade de viver (...) escrever simplesmente ajuda-me muito, a sentir diferente, leve ... ao contrário da realidade!
Ao escrever sinto como se os meus problemas fossem menores...
Odeio a imagem que tenho de mim, e a que os outros também têm, e os meus maiores inimigos são a insegurança, a baixa auto estima, (...)